Policial se comovem com menino que procurava material escolar no lixo.

Na cidade de Rio Verde, dois homens e uma criança nos deram uma história muito bonita. Uma história simples, mais que revela o coração e a honra de tais homens.

Eles são Denilton e Aires, dois policiais militares que estavam de plantão, e durante  rotina de patrulhamento nas ruas de Rio Verde, encontraram uma criança e uma senhora idosa no lixo procurando por algo.
Os policiais estavam preocupados e se aproximaram para ver o que eles estavam fazendo no lixo, o menino mostrou uma mochila toda a rasgada que ele avistou a distância e o fez entrar no lixo para recuperar.

Após encontrar a tal mochila no lixo, com orgulho o menino de 6 anos disse aos policiais: “Olha, agora eu tenho uma mochila para ir à escola!”.

A avó que estava com o menino disse aos policiais que ele não possuía material escolar, apenas um apontador e  procuravam mais material escolar no lixo.
Movidos e emocionados, já com lágrimas em seus olhos, os dois policiais deixaram o lugar e foram em vários comerciantes e contaram o que haviam visto.

 

Não demorou muito e um grande movimento foi feito para ajudar o menino, polícias militares e comerciantes doaram tudo o que a criança precisava para começar seus estudos.
Quando tudo foi coletado, os policiais voltaram para a casa do menino, uma humilde residência, onde moravam ele e a avó.

Quando a viatura parou na porta e os e os policiais desceram  com grandes sacolas de materiais escolares, a avó ajoelhou-se e olhou para o céu, agradecendo a Deus e as vidas desses policiais.
O menino então pulou nos braços dos policiais e chorou muito. Imediatamente a alegria contagiou a todos e em pouco tempo as lágrimas do menino se transformaram em risos.

Os policiais ainda deram uma réplica de viatura ao pequeno “guerreiro”. A criança  ganhou tênis, chinelos, cadernos, mochilas, lápis, borrachas e todo material que precisava para começar as aulas

Loading...